Orquestra dos médicos comemora 25 anos

A Orquestra Filarmônica dos Médicos do Hospital Israelita Albert Einstein, regida pelo Maestro Nasari Campos, comemora 25 anos com um concerto especial.
A Orquestra, que nasceu da vontade que alguns médicos tinham de se encontrar e tocar juntos, foi formada pelo dr. Jaques Pinus, cirurgião, que convidou a pianista internacionalmente conhecida Maria José Carrasqueira para opinar sobre a efetivação de uma orquestra filarmônica com os talentos que existiam no Hospital. Ela prontamente indicou o Maestro Nasari Campos que, não só aceitou o desafio de organizar e transformar o pequeno grupo numa Orquestra, como até hoje está à sua frente.
Na apresentação especial de fim de ano de 2014, o público pode contribuir com o Programa Einstein na Comunidade de Paraisópolis doando roupas para bebês de 0 a 1 ano.

Serviço:
Uma história de amor – 25 anos da Orquestra Filarmônica dos Médicos do Hospital Israelita Albert Einstein
18/novembro às 20h30
Auditório Moise Safra – Av. Albert Einstein, 627 – entrada 1 – Morumbi

Anúncios

Show com astro da música judaica Yaacov Shwekey,

Show em São Paulo, tem renda revertida para projetos alimentares e sociais do Ten Yad

Promovida pela Instituição Beneficente Israelita Ten Yad, apresentação acontece no dia 1º de dezembro no auditório Elis Regina do Anhembi

Depois de uma turnê muito bem sucedida na Europa, o cantor norte-americano Yaacov Shwekey chega ao Brasil para apresentação única em S. Paulo. O show, que será realizado no auditório Elis Regina do Anhembi na segunda-feira, dia 1º de dezembro, às 20 h, traz seus maiores sucessos e ainda canções de seu novo álbum, Kolot. A renda do espetáculo será revertida para os programas alimentares e sociais do Ten Yad.

Aos 36 anos, Yaacov Shwekey é um dos principais expoentes da música judaica da atualidade. Criado em Nova York, onde realizou seus estudos religiosos na Yeshivá do Brooklyn, Shwekey iniciou sua carreira em um coral de meninos. Seu primeiro álbum solo foi gravado em 2001, e rapidamente começou a fazer shows por todo o mundo – desde apresentações pequenas, como casamentos e até grandes eventos.

Entre seus maiores sucessos estão “Cry No More”, “Racheim”, de Pink Weber, e “Shomati” (do Talmude), composta por Yossi Green e Im Eshkacheich a partir do Salmo 137, que ganhou popularidade como música de casamento judaico. Em 2009, Vehi She’omdah, de Yonatan Razel, virou um hit em sua voz depois que a faixa foi lançada no show que virou DVD, o Live in Caesaria.

Serviço
Yaacov Shwekey O Grande Astro da Música Judaica
Dia 01/12 às 20h
No Auditório Elis Regina – Anhembi – S. Paulo
Avenida Olavo Fontoura, 104
Ingressos a R$ 50,00 (plateia superior) e R$ 100 (plateia)
Vendas pelo Ingresso Rápido: (11) 4003-1212 – http://www.ingressorapido.com.br/Evento.aspx?ID=37170
Informações e retirada de ingressos pelo telefone: (11) 3322-3385
Renda revertida as trabalhos assistenciais do Ten Yad.

Ovadia Horn recebe homenagem

ovadia

Na mesma noite do show do cantor Enrico Macias o KKL-Brasil homenageou o ativista comunitário Ovadia Horn, por sua dedicação ao fortalecimento da comunidade judaica de São Paulo. Ele, que foi presidente do KKl-Brasil, vice-presidente do Fundo Comunitário e da Associação Amigos do Museu Judaico de São Paulo, subiu ao palco cercado por seus netos para receber a homenagem das mãos do presidente do KKL Brasil, Eduardo El Kobbi.

Uma Noite Memorável

KKL Brasil realiza Jantar de Gala Anual com espetáculo do cantor franco-argelino Enrico Macias

Uma noite para ficar na memória. Assim foi o Jantar de Gala Anual realizado pelo KKL Brasil, que lotou o Buffet França, no dia 10 de novembro de 2014.

O evento contou com a apresentação inédita do cantor, compositor e guitarrista, Enrico Macias, que veio ao país especialmente para o evento e fez a animada plateia vibrar com canções como Aie Aie Zingarella e Violon de Mon Pere e Ah Qu’elles Sont Jolies Les Filles de Mon Pays. Um dos pontos altos do show foi quando o artista desceu do palco e cantou rodeado pelo público.

Internacionalmente consagrado e intensamente aplaudido nos palcos europeus, na América do Norte, na antiga URSS e no Japão, entre outros, Enrico Macias tem transmitido em suas canções uma mensagem universal de paz e solidariedade entre os povos.
Eu me sinto muito orgulhoso pela atuação do KKL em Israel e também na diáspora. Estou muito feliz em participar do evento anual, e de cantar para um público tão receptivo. O KKL Brasil está de parabéns pelo lindo evento”, frisou Macias.
emacias

Na’amat Pioneiras São Paulo elege nova diretoria

Nova diretoria

A Na’amat Pioneiras São Paulo elegeu sua nova diretoria para o biênio 2015 / 2016, encabeçada pela presidente reeleita, Clarice Schucman Jozsef, durante Assembleia Geral realizada na Sede da Organização em 11 de novembro de 2014.

Relação do corpo-diretivo para o Biênio 2015 – 2016

Presidente: Clarice Schucman Jozsef
Vice- presidentes: Clarisse Edelstein, Leonor Szymonowicz e Suely Adissi
Secretária: Sandra Pesso
2a Secretária: Flora Sheila Grinspan
Tesoureira: Pérola Branca Berezovsky
2a Tesoureira: Leoni Bien
Conselho Fiscal: Amália Wasserstein, Sara Dolhnikoff e Sara Wulkan

Programação Intensa no VI Encontro do AHJB

O Arquivo Histórico Judaico Brasileiro realiza o seu VI Encontro com uma programação intensa e diversificada.
Acompanhe a programação do dia 15 de novembro que será realizada no Centro da Cultura Judaica na R. Oscar Freire 2500
Painel I – Sala 1 (manhã)
Moderador: Nancy Rozenchan
09:00 – 09:30 Nancy Rozenchan SP “Perfis judaicos e brasileiros na literatura Íidiche produzida no Brasil”
09:30 – 10:00 Edith Hojda SP “Caminhos do envelhecimento”
10:00 – 10:30 Leslie Marko SP “Teatro entre a ternura e o horror nos tempos do holocausto”
Intervalo
11:00 – 11:30 Léa Vinocour Freitag SP “Três canções na resistência ao holocausto”
11:30 – 12:00 Eva Blay SP “O Brasil como destino. A voz dos imigrantes judeus e seus descendentes: caminhos, estratégias de vida, raízes do judaísmo brasileiro contemporâneo”
12:00 – 12:30 Rafaela Barkay SP “A pequena Iugoslávia no Brasil: uma etnografia em família”

Painel III – Sala 2 (manhã)
Moderador: Carlos Kertész
09:00 – 09:30 Raquel Mizrahi SP “A segunda guerra mundial e os judeus do norte da África”
09:30 – 10:00 Anita Brumer RS “Uma história entre outras: o relato de uma sobrevivente do holocausto”
10:00 – 10:30 Nessim Hamaoui SP “Mídia judaica: registros históricos da comunidade”
Intervalo
11:00 – 11:30 Joelle Rouchou RJ “Do Mediterrâneo ao Atlântico: relatos dos judeus expulsos do Egito sob o regime de Nasser (1956/1957)”
11:30 – 12:00 Luiz Benyosef RJ “O centro da memória da imigração judaica Egon e Frieda Wolff”

Painel V – Sala 1 (manhã)
Moderador: Maurício Serebrinic
09:00 – 09:30 Ângelo de Assis MG “Sob um outro olhar…O estudo da inquisição e da perseguição aos Cristãos Novos nas escolas”
09:30 – 10:00 Fernando Gil Portela Vieira SP “Para além das ortodoxias: respostas de réus cristãos-novos às acusações da Inquisição Portuguesa (século XVIII)
10:00 – 10:30 Neusa Fernandes RJ “Ação inquisitorial no Rio de Janeiro e em Minas Gerais”
Intervalo
11:00 – 11:30 Silvia Rosa Nossek Lerner RJ “A lei, a ciência e a medicina nazista”
11:30 – 12:00 Gilberto de Abreu Sodré Carvalho SP “Minha experiência de palestra sobre Inquisição Portuguesa no Instituto Dom Barreto em Teresina no Piauí”
12:00 – 12:30 Leilão de cartazes do Teatro Ídiche
Painel VI – Sala 2 (manhã)
Moderador: Seilly Heumann
09:00 – 09:30 Daniela Suzana Segre Guertzenstein SP “Hebraico, Israel e globalização”
09:30 – 10:00 Marília Levi Freidenson SP “Il Nemico Fraterno (O inimigo fraterno”
10:00 – 10:30 Muriel Waldman SP “A música Klezmer”
Intervalo
11:00 – 11:30 Marie Felice Weinberg SP “Judias empresárias: imigrantes em São Paulo 1945-1956”
11:30 – 12:00 Rubens Hirsel Bergel SP “Visão psicanalítica do antissemitismo”
Painel II – Sala 1 (tarde)
Moderador: Berta Waldman
14:00 – 14:30 Pérola Wajnztejn SP “Ibn Gabirol e aspectos formais da poesia hebraica na Idade Média”
14:30 – 15:00 Saul Kirschbaum SP “Stefan Zweig: uma identidade judaica malgré soi”
15:00 – 15:30 Berta Waldman SP “Bernardo Kucinski e a ditadura militar”
Intervalo
16:00 – 16:30 Departamento de cultura Ídiche do AHJB SP “Pepitas à flor da terra: fontes esquecidas para a história dos judeus no Brasil”
16:30 – 17:00 Lucia Chemont SP “A revista Aonde Vamos?: os judeus e o Brasil na perspectiva de um periódico judaico (1950)”
17:00 – 17:30 Paula Ribeiro RJ “Grupo de teatro ídiche Dram Krais”

Painel IV – Sala 2 (tarde)
Moderador: Abrahão Gitelman
14:00 – 14:30 Reuven Faingold SP “Shelomo Venezia: 1923-2012 – Um sonderkommando em Auschwitz”
14:30 – 15:00 Samuel Belk SP “A ética das vítimas do holocausto – Um problema em aberto”
15:00 – 15:30 Israel Blajberg RJ “…com o sacrifício da própria vida… Brasileiros de origem judaica que tombaram no cumprimento do dever”
Intervalo
16:00 – 16:30 Ieda Gutfreind RS “Estudos comparativos das comunidades judaicas no interior do Rio Grande do Sul”
16:30 – 17:00 Miriam Bettina P. Oelsner SP “Capesius, o farmacêutico de Auschwitz”
17:00 – 17:30 Roberta Alexandr Sundfeld SP “Da Bauhaus a Theresienstadt: Friedl Dicker-Brandeis e as meninas do quarto 28”