Mais de 800 pessoas prestigiam eventos culturais no Peretz

No último domingo, duas atividades realizadas no Colégio I.L Peretz, a Feira do Livro e oEretz Peretz da Educação Infantil mobilizaram um público de mais de oitocentas pessoas.

Feira do Livro teve como convidado especial o escritor Pedro Bandeira e uniu com projetos inovadores a produção literária dos alunos à tecnologia: o 6º ano lançou um livro digital de fábulas, para ser lido em tablets; o 9º ano apresentou o trabalho que vem sendo desenvolvido com a Wikipédia, com destaque para o fato de que o Peretz é a única escola no Brasil que participa desse programa, por meio do qual são inseridos novos verbetes e retificados os já existentes.

Coube a eles também mostrar o projeto “O 2º Reinado e a Literatura”, em que os alunos fizeram uma relação entre obras literárias e os fatos históricos. O coordenador de Língua Portuguesa, Jorge Makssoudian, responsável por grande parte dessas atividades, também envolveu os alunos do 8º ano, que atuaram como repórteres, entrevistando participantes e fotografando os eventos.

Durante a Feira, ocorreu também a premiação do VI Concurso Literário Meyer Joseph Nigri do Colégio I.L Peretz, cujo prêmio foi entregue aos vencedores pelo autor Pedro Bandeira, dentre outras atividades. Bandeira também foi homenageado pelos alunos com um poema e várias cartas. A participação de Bandeira terminou com um bate-papo com pais e alunos, seguido de uma sessão de autógrafos e fotos.

Paralelamente, a Educação Infantil apresentou uma mostra dos projetos desenvolvidos com os alunos, o Eretz Peretz. As crianças trabalharam com o tema “água”, já que este ano foi declarado pela UNESCO o Ano Internacional de Cooperação pela Água. A equipe de professores pesquisou e preparou com seus alunos inúmeras atividades relacionadas ao tema por meio das áreas de artes visuais, música, ciências naturais e linguagem. Sem deixar de lado a qualidade estética e o capricho, as crianças envolveram-se com o tema de forma lúdica.

Os visitantes da Mostra eram recebidos no prédio por uma escultura em tecido, da artista plástica Suzy Gheler, baseada na obra de Gustavo Rosa. Na área de Ciências, as crianças realizaram experimentos para estudarem os estados físicos da água e suas aplicações. Em artes, inspiraram-se em grandes artistas como Picasso, em sua obra ‘Menina com Barco’ e Gustavo Rosa, em ‘O Barco’, para prepararem magníficas instalações.

O Grupo 5 trabalhou o tema enfocando a água como cenário da história da Arca de Noé. Pesquisaram, a partir da história bíblica, outras versões, como a de Ruth Rocha, e produziram um cenário com uma arca de papel, vários animais, feitos com tecido, e o próprio Noé, representado por um boneco de papier mâché. Os pais puderam acompanhar o desenvolvimento do trabalho por meio do envio de fotos e da agenda das crianças. E, durante o evento, havia um making of apresentado em vídeoinstalações.

Também mereceu destaque a sala com o projeto interativo “Fazendo música com água”, em que as crianças dosGrupos 2 e 3, que conheceram o Prelúdio op. 28, nº 15 (“Gota d’Água”), de Frédéric Chopin, construíram diversos instrumentos, tendo a água como base para produzir sons. O Grupo 4 conheceu a obra da artista francesa Niki de Saint Phalle e trabalhou com as cores e material de sucata. O Grupo 6 teve como objeto de pesquisa o Rio Tietê, o que possibilitou um estudo sobre sua nascente e os peixes de água doce. As crianças foram estimuladas a pensar sobre como esse rio e suas margens poderiam se transformar em um espaço para o lazer.

A diretora da Educação Infantil, Linda Blaj, comentou que todos os alunos demonstraram grande interesse e destacou que o respeito à expressão artística de cada um é fundamental para que se construa o conhecimento. “Eles têm orgulho em mostrar suas produções para seus amigos e suas famílias e, desta forma, a aprendizagem faz sentido, pois pode ser multiplicada”.

Somado a tudo isso, chamou a atenção uma performance de dança contemporânea, oficinas de origami e cooking class. “Como tudo que fazemos no Peretz, procuramos integrar os diversos conteúdos em uma transversalidade, trazendo assuntos importantes da agenda mundial, como o caso da água, para nosso trabalho cotidiano”, conclui Carlos Dorlass, diretor geral do Colégio I.L Peretz.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s